Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES
NA SESSÃO REALIZADA EM 16 DE MARÇO DE 2009




SENHOR PRESIDENTE
SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:




A audiência mantida pelo Presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o dirigente máximo dos Estados Unidos, Barack Obama há sido objeto de destacados comentários da mídia internacional, exatamente por se tratar do primeiro contacto do sucessor de George W. Bush com um líder da América Latina, para troca de impressões sobre a delicada conjuntura econômico-financeira, reconhecidamente grave, que passou a ser enfrentada, com inquietação, em todos os Continentes.

Embora na agenda do titular do Planalto houvesse item especial em relação aos biocombustíveis, com implícito interesse à retirada da barreira ao ETANOL, nada foi decidido a respeito, preferindo-se levar o tema à consideração do chamado G-20, num estratégico posicionamento que evidencia a habilidade de OBAMA na condução de questões relevantes, de repercussão no mercado externo, na forma como situou a questão o Chefe do Executivo brasileiro.

Mesmo sem solução imediatamente à vista, não se pode deixar de reconhecer que LULA pretendeu evidenciar a incontestável liderança que exerce entre os sul-americanos, o que naturalmente irá credenciá-lo a uma maior projeção diante dos Estados Unidos da América.

Para tornar claro o seu objetivo primordial, o ocupante do Planalto afirmou, textualmente, após o diálogo formal, diante de jornalistas credenciados na Casa Branca:

“Estou convencido de que essa crise pode ser resolvida por decisões políticas no G-20”, conclave cuja realização está prevista para abril vindouro com a participação das maiores potências, inclusive emergentes no caso do Brasil.

Tornando-se mais enfático, o Presidente fez questão de destacar, com a sua habitual forma de comunicação:

“Para isso é preciso que o crédito volte a fluir dentro dos Países”.

Arrematando com mais incisividade: “O desempregado de hoje é problema social de amanhã”.

Espera-se, desta forma, que se chegue a um entendimento que signifique o efetivo princípio de uma composição internacional, capaz de ultrapassar a expectativa que domina toda a opinião da nossa e de outras Nações.


MAURO BENEVIDES
Deputado Federal

 

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados