Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES
NA SESSÃO DE 15 DE MAIO DE 2007

 


SENHOR PRESIDENTE
SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 


Faleceu, na última semana, em Fortaleza, figura das mais ilustres da classe médica e dos círculos educacionais do nosso Estado, o professor Walter de Moura Cantídio, aos 93 anos, após haver prestado relevantes serviços ao Ceará.
Professor da Faculdade de Medicina, da qual foi fundador, ao lado de Jurandir Picanço, Valdemar de Alcântara, Joaquim Eduardo de Alencar e tantos outros, Cantídio alçou-se à condição de Reitor da UFC, que se acha prestes a completar 53 anos de criação, já que o ato oficial ocorreu ao tempo da gestão do Presidente Café Filho.
Exercendo a Reitoria, na condição de seu terceiro titular, antecedido por Antônio Martins Filho e Fernando Leite, o extinto teve atuação profícua, expandindo as Unidades existentes e concretizando iniciativas que imprimiram o cunho de modernização àquela Entidade, que ganhou merecidos espaços no âmbito do  mosaico acadêmico nacional.
O velório de Cantídio ocorreu no Salão Nobre da Reitoria, quando lhe foram prestadas preito de gratidão ao esforço permanente despendido para servir à causa do ensino superior no País.
Amigo pessoal que fui do ex-dirigente da UFC, tive o privilégio de contar com sua presença no instante em que, no ano de 1992, recebi o titulo de Doutor Honoris Causa, outorgado pelo Conselho Universitário, por indicação do saudoso Martins Filho, considerado o Reitor dos Reitores em razão do fecundo esforço despendido para consolidar a imagem da conceituada instituição.
Homenageio, pois, desta tribuna, o Reitor Walter Cantídio, a quem tanto deve a nossa tradicional Entidade Acadêmica, responsável pelo desenvolvimento de uma Região que marcou, indelevelmente, o fácies universitário do Nordeste brasileiro.    
         

MAURO BENEVIDES
Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados