Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 21 DE FEVEREIRO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

Embora a confirmação do Produto Interno Bruto, referente ao último exercício, seja proclamado, formalmente, pelo IBGE, o Banco Central acompanha, paralelamente, a evolução dos estudos, na expectativa de que os dois Órgãos aproximam-se nas projeções, as quais caminham, agora, para a definição final e conclusiva, como anseia a própria conjuntura internacional.

Arrisca-se o prognostico de que o cálculo estará em derredor de 1,1%, o que aponta para algo aquém de nossas potencialidades, sobretudo na comparação com passadas alternativas, bem mais auspiciosas para um País com proclamado prestigio mundial, a ponto de haver-se guindado à condição de integrante do poderoso G-20, comandado pela Alemanha, França e Estados Unidos.

Segundo informes extraídos da avaliação do Banco Central, o NORDESTE e o CENTRO OESTE, tiveram melhor desempenho, com resultado acima da média nacional, nos termos de apanhado aferido, apontando o Centro Oeste com algo em torno de 2,01% e a área geográfica que represento ter-se posicionado no patamar de 3,3%, o que é, sem dúvida, fato auspicioso, apontando para imenso esforço, ali, despendido em prol do progresso nacional.

Todas essas especulações, no entanto, acham-se, subordinadas ao veredicto do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, dentro da metodologia apropriada, até aqui observada com rigor, por sua incontestada credibilidade.

Espera-se, agora, que este ano cheguemos a percentuais bem mais significativos, arriscando-se mesmo alguns observadores governamentais e privados a apontar a faixa de 3,5% como perfeitamente capaz de ser atingido em face do esforço levado a efeito pelo Poder Executivo e, sobretudo, pela industria, agricultura, comércio e outros segmentos que compõem o nosso contexto desenvolvimentista.

As medidas oficiais, desdobradas em desonerações tributárias e outras modalidades de estimulo ao consumo, continuarão a ser processadas, daí a possibilidade de ampliar-se substancialmente essa aferição, decisiva para gerar clima de maior otimismo dentro e fora do nosso território. 

                                          MAURO BENEVIDES

                              Deputado Federal

 

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados