Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 18 DE MARÇO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

 

Todo o Sertão Central do Ceará, a começar por Quixeramobim, pranteia o falecimento da senhora ALDAMIRA GURGEL FERNANDES, dama de virtudes peregrinas, que, ali, possuía atuação partidária prestigiosa, a ponto de ter-se elegida, no pleito do recuado ano de 1958, à PREFEITURA local, sendo a primeira mulher a guindar-se ao elevado posto, por significativa maioria de sufrágios, surpreendendo mesmo ao seu esposo, JOAQUIM FERNANDES, líder político e médico renomado, o qual, ali, exercia, com desvelo e abnegação, a sua atividade profissional, particularmente a inúmeros carentes e necessitados.

Como tenho vínculos de parentesco muito próximo com os quixeramobienses,  já que a minha saudosa mãe lá nascera e sempre esteve presente em ocorrências de nossa família, mantinha eu com a pranteada extinta os liames de admiração e respeito em decorrência de extrema lealdade e a permanente predisposição que evidenciava de manter-se ao lado dos que procuravam o seu amparo em instantes de dificuldades pessoais.

Tanto nas campanhas majoritárias, como nas proporcionais, ela se dispunha a ouvir o eleitorado, objetivando garantir solidariedade às causas democráticas, das quais me tornei pregoeiro, durante sucessivos mandatos parlamentares, quer na Assembleia Legislativa e no Parlamento Nacional.

Em homenagem que a ela prestei, em 1992, foi em palanque montado à frente de sua residência, que o Diretor Geral do DNOCs assinou os atos licitatórios para a construção do AÇUDE FOGAREIRO, considerado o maior empreendimento em termos de desenvolvimento econômico e bem estar social, o qual, foi concretizado, por minha interferência pessoal, no desempenho, então, da Chefia do Poder Legislativo Brasileiro.

Ao visita-la, em nossa Capital, quando tentava recuperar-se de uma cirurgia, ela me questionava sobre os rumos da política nacional, numa comprovação de acompanhamento, como cidadã interessada no quadro socioeconômico do nosso País.

Ela possuía, como virtude maior, extrema dedicação aos menos afortunados, aos quais empenhava-se para ajudar, generosamente, em razão de sua sólida formação cristã.

A ela rendo, pois, desta tribuna, o sincero preito de saudade e de gratidão pelos incontáveis benefícios prestados à terra de Antonio Conselheiro e as suas gerações passadas e presentes.    

 

                                       MAURO BENEVIDES

                              Deputado Federal

 

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados