Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 23 DE ABRIL DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

 

Com o objetivo de conscientizar os seus alunos em torno da relevância de nossa Carta Constitucional de 1988, a FACULDADE FARIAS BRITO fará realizar, no próximo dia 7 de Maio, uma série de palestras sobre os 25 anos da Constituição de 5 de outubro de 1988, numa alusão aquele acontecimento histórico, que sinalizou o nosso reencontro com o Estado Democrático de Direito, após 21 anos de regime autoritário, assinalado pelo sobrestamento das liberdades públicas e dos direitos individuais, o que somente cessou com a plena reconstitucionalização do Brasil.

Nas dependências do Teatro Nadir Papi Sabóia, aquela Escola de Ensino Superior, alguns dos signatários do texto promulgado poderão discorrer sobre aquele instante memorável, que teve como figura preeminente o saudoso Ulysses Guimarães a quem se atribui, merecidamente, condição de grande condutor do processo de normalização político-insitucional.

Como 1º Vice-Presidente que fui da Assembleia Nacional Constituinte, relembro momentos culminantes daquele auspicioso acontecimento, mencionando os que envidaram esforços com o objetivo de dotar o País de um Documento Básico, capaz de atender às justas aspirações nacionais.

O senador Cid Sabóia de
Carvalho, professor de Direito e ex-constituinte, foi, igualmente, instado a comparecer ao significativo evento, quando certamente focalizará aspectos importantes, que sinalizaram o término de fase ominosa, cuja cessação ocorreu após a elaboração de nossa Lei Maior.

Coube a professora Fernanda Denardin Gonçalves, diretora Acadêmica da Faculdade e a Coordenadora Acadêmica, Cecília Erika Almeida Lobo enviar o convite formal aos constituintes, compelindo-nos, portanto, a aderir a uma promoção de extraordinária ressonância cívica.

Recordo que, em 2008, no Palácio do Planalto, o então Presidente Luiz Inácio Lula da Silva levou a efeito brilhante comemoração vintenária, cabendo-me a honra de discursar sobre o notável acontecimento, quando presentes estiveram todos os constituintes vivos, bem assim, os então senadores e deputados, à frente o então Presidente do Senado, Garibaldi Alves Filho e Arlindo Chinaglia, dirigente máximo da Câmara dos Deputados.

Louvo a iniciativa, desta tribuna, que certamente objetiva incutir em nossa juventude o dever de defender os impostergáveis Direitos de Cidadania.

 

                                    MAURO BENEVIDES

                              Deputado Federal

 

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados