Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES
NA SESSÃO DE 22 DE MAIO DE 2007

 


SENHOR PRESIDENTE
SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:


Deverá ocorrer, amanhã, às 17 horas, a posse do Ministro Napoleão Nunes Maia como integrante do Superior Tribunal de Justiça, cargo a que chegou após brilhante judicatura em instâncias inferiores, quando revelou talento invulgar e sólida formação para o desempenho de tão elevadas funções.
Antes, o recém nomeado compunha o plenário do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, impondo-se, diante de seus Pares, por uma atuação irrepreensível, calcado nos princípios do Direito e da Justiça.
Empenhando-se para que se cumpra a diretriz de maior celeridade à prestação jurisdicional, o Ministro Napoleão Maia ofereceu exemplo de cabal cumprimento do dever, num febricitante ritmo de trabalho.
No Senado, ao ser sabatinado, deixou patente incontáveis atributos intelectuais, o que lhe garantiu aceitação unânime naquela Casa do Parlamento brasileiro.
Como seu colega na Academia Cearense de Letras, sou conhecedor de vasta bibliografia que editou, assegurando-lhe justificada ascensão na trilha da imortalidade literária.
Tenho certeza, pois, de que o novo titular do STJ destacar-se-á, ali, ao lado do nosso também conterrâneo Cesar Asfor Rocha, que vem de ser escolhido Corregedor Geral do Conselho Nacional de Justiça.
Ao registrar, desta Tribuna, a posse de Napoleão Nunes Maia Filho auguro-lhe uma incessante atividade, capaz de seqüenciar, com maior realce, a árdua missão de magistrado integérrimo, com excelente imagem diante daqueles que compõem a Colenda Corte, na qual tomam assento vultos exponenciais de nossa vida judiciária.


MAURO BENEVIDES
Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados