Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 01 DE AGOSTO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

Os círculos econômico-financeiros aguardam, ansiosos, o anuncio do Produto Interno Bruto do trimestre passado, na esperança de que possa vislumbrar-se um percentual mais estimulante, capaz de aproximar o Brasil da projeção inicial, que era de 3%, na estimativa alardeada, enfaticamente, pelo Ministro da Fazenda, Guido Mantega e seus principais assessores.

Concomitantemente, os Órgãos internacionais – como tradicionalmente acontece – promovem avaliações em tempo real, como forma de acompanhar a nossa situação, uma vez que o Brasil integra, por suas potencialidades, o chamado G-20, que reúne importantes Nações, lideradas, principalmente pela Alemanha, os Estados Unidos e a China.

Se a mais recente avaliação, pertinente ao primeiro trimestre, situou-se bem abaixo das expectativas, é de esperar que a reabilitação ocorra na aguardada etapa subsequente, para alento dos investidores e da própria opinião pública brasileira.

Ressalte-se que a política das desonerações tributárias passou a ser adotada como fórmula heroica, de molde a recuperar a nossa economia e fazê-la chegar, ao término do exercício, a um patamar bem mais significativo, que nos aproxime da cogitada previsão das Autoridades fazendárias.

A própria Presidente Dilma Rousseff, como gestora maior, permanece atenta a essas evoluções, confiando no modelo preconizado pela citada Pasta, em consonância com as diretrizes do Banco Central, à cuja frente se acha o Ministro Alexandre Tombini.

Não tendo a indústria sinalizado, ainda, para a aguardada recuperação, é de esperar que esse segmento vital, reintegre-se a um procedimento de reabilitação, com base nos estímulos fiscais assegurados pelo Poder Executivo Federal.

O ressurgimento de fase mais auspiciosa passou a ser um anseio generalizado, de molde a fazer com que o nosso País reassuma a sua postura desenvolvimentista ultrapassando os atuais obstáculos, impeditivos de uma expansão econômico por todos ardentemente desejado.

O Congresso continuará acompanhando as medidas governamentais, na esperança de que as mesmas vitalizem o nosso crescimento e consequente bem estar social.

 

MAURO BENEVIDES

Deputado Federal

 

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados