Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 23 DE SETEMBRO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

A imprensa cearense divulgou ontem, em matéria alusiva à criação de novos municípios, lembrando que o Senado Federal já deliberara a respeito, faltando a manifestação conclusiva do Poder Público, uma vez que esta Casa, igualmente, já se definira sobre os critérios estabelecidos no diploma legal, da tramitação virtualmente ultimada.

Ampliou-se, portanto, a expectativa de numerosos Distritos, todos se considerando aptos a preencher às exigências da legislação, ainda inconclusa, à espera que haja uma solução em torno de matéria, de relevância para as áreas geográficas que aspiram emancipar-se.

Ontem, o Diário do Nordeste comentava a aspiração de diversos Distritos, todos se considerando aptos a ter vida própria, por preencherem os devidos requisitos inseridos na legislação, pertinente a essa temática, de legitimidade comprovada.

Na minha última estada em Fortaleza, recebi reiterados apelos de diversos interessados, ainda perplexos com a protelação de que se reveste o equacionamento de algo fundamental para as comunidades que se predispõem a existir, com independência diante das comunas a que se achavam vinculadas.

Dentre os núcleos citados na longa reportagem, inserem-se os seguintes: Almofala, Icaraí, Itapebussu, Jurema, Pajuçara, Guanacés, Parajuru, Flores, Aruaru, Mata Fresca, Feiticeiro, Mineirolandia, Sucesso, Santa Felícia, Lima Campos, José de Alencar, Ponta da Serra, Palestina, Jamacaru, Lisieux, além de outros, igualmente, referenciados, com realce, pelo veículo de comunicação social, já citado.

Não se pode mais procrastinar uma definição sobre algo que interessa diretamente as numerosas comunidades, todas pressurosas em alcançar a independência, já que atendem aos requisitos reclamados para a ultimação emancipatória.

Postulo, pois, junto aos Presidentes Henrique Alves e Renan Calheiros no sentido de que intervenham, sem demora, para que o deslinde conclusivo não venha a sofrer mais qualquer tipo de inadmissíveis procrastinações.

Se ainda se discute que às Assembleias é que devem efetivar a ansiada EMANCIPAÇÃO, que ela ocorra sem mais adiamentos, permitindo tornar realidade um anseio alimentado por ponderáveis segmentos populacionais.

MAURO BENEVIDES

Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados