Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 30 DE OUTUBRO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

Num dia marcado por concorridos eventos, a Câmara dos Deputados homenageou, ontem à tarde, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com a outorga da MEDALHA ALTA DISTINÇÃO, conferida por iniciativa da Mesa Diretora, graças à proposição do Secretário SIMÃO SESSIM, Segundo Secretário e autor  da saudação ao ex-titular do Palácio do Planalto.

Ao agradecer a honraria, o ex-constituinte, que ascendeu à Chefia do Executivo, manteve o Plenário atento às suas elucubrações, evidenciando extraordinária percuciência para avaliar a conjuntura vivenciada pelo Brasil, com enfoques que alcançaram o multifacetário de nossos problemas, sem esquecer as mobilizações de ruas, que, desde junho, se acentuaram em várias Capitais, notadamente São Paulo e o Rio de Janeiro.

Numa abordagem insistentemente referenciada, figurou o item REFORMA POLÍTICA, que considerou “a mais importante das reformas”, preconizando-a como indispensável para a correta condução dos destinos nacionais.

Para inúmeros parlamentares, atentos à exposição do Primeiro Mandatário, a oração assumiu contornos de avaliação sobre aspectos de real magnitude, numa comprovação de que se mantém, permanentemente atualizado, garantindo-lhe, por isso, liderança autêntica, assinalada, agora, com redobrada sensibilidade para ouvir “os clamores das redes sociais” e ajusta-los a uma realidade indisfarçável, em meio a questões de Nação que cresce e se expande na busca de concretizar as legitimas e inadiáveis aspirações coletivas.

Desfazendo qualquer hipotética versão de terceiro mandato, fê-lo com incontestável firmeza de convicção, predispondo-se a seguir o seu rumo de liderança desambiciosa, embora antenada com as agruras ainda identificadas pelos seus compatrícios, sequiosos por novas e mais amplas conquistas.

Ao saudar-me, com a efusão de antigos companheiros que foram da Assembleia Nacional Constituinte, pretendeu certamente relembrar aqueles instantes inolvidáveis, que permitiram ao País ingressar, definitivamente, no Estado Democrático de Direito, após longo período de arbítrio, assinalado pela cassação das liberdades públicas e dos direitos individuais.

O pronunciamento, Sra. Presidente, transformou-se numa peça antológica, para reflexão de todos os homens e mulheres, pressurosos por dias ainda melhores para o Brasil.

MAURO BENEVIDES

Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados