Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 11 DE NOVEMBRO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

À noite do último sábado, faleceu em Fortaleza, o jornalista MESSIAS PONTES, comentaristas dos mais prestigiados, com atuação marcante em nossos veículos de comunicação social, quando sempre demonstrou o seu talento fulgurante e correta perceptibilidade dos fatos políticos, sociais e econômicos, abordando-os com rara acuidade.

Durante três décadas, integrou o Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa, convivendo com os nossos parlamentares e analisando, abalizadamente, o desempenho daqueles que compuseram e compõem aquela Casa, que tive a honra de dirigir em década passada, em fase tormentosa de nosso cenário político-institucional.

O seu programa diário na Rádio Cidade, às Oito Horas da manhã, era dos mais escutados, com participação, dentre outros, do ex-deputado Manuel Aguiar de Arruda, ambos debatendo, com convidados, a temática que englobava fatos relevantes, sob múltiplas facetas.

Em um dos últimos programas de que, ali, participei, Messias inquiriu-me, insistentemente, sobre a Reforma Política, criticando o delongado prazo para a deliberação, já que considerava, como muitos, inexplicável o desinteresse dos nossos legisladores por uma questão de transcendência inquestionável.

Membro do Sindicato dos Jornalistas Profissionais, do qual sou fundador, ele sempre foi voz, ali, escutado com atenção, pelos constantes contactos que mantinha com os colegas do Sul do País, num entrelaçamento que permitia a ele acompanhar as grandes decisões de nossa classe.

Na manhã de ontem, consegui, via telefônica, transmitir aos seus irmãos José Maria Pontes e Arruda Pontes, profundo pesar pela perda de um cidadão que soube se impor à admiração e ao respeito de nossa comunidade, levando a debate, nas suas colunas em periódicos, como O Estado, opiniões valiosas sobre a conjuntura vivenciada pelo Ceará, o Nordeste e o próprio País.

Homenageio, pois, a sua memória imperecível, convicto de que ele soube honrar e dignificar a carreira que abraçou devotadamente, mesmo quando estava em tratamento a que foi submetido por cerca de seis meses.

O legado maior que deixa para os seus descendentes é o da lealdade a princípios éticos inafastáveis, como diretriz de sua existência.

 

MAURO BENEVIDES

Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados