Discursos

DISCURSO PROFERIDO PELO DEPUTADO MAURO BENEVIDES

NA SESSÃO DE 18 DE NOVEMBRO DE 2013

 

 

SENHOR PRESIDENTE

SENHORAS E SENHORES DEPUTADOS:

 

Têm-se como concretamente acertada a votação, nesta semana, da matéria pertinente dos Agentes de Saúde e Endemias, cuja definição há sido protelada, vezes sem conta, em razão de desencontros inexplicáveis entre Executivo e Legislativo.

Do meu Estado, tenho recebido seguidos apelos no sentido de que a controvérsia seja, afinal, ultrapassada, concedendo-se aos beneficiários a tranquilidade em relação à respectiva remuneração, com repasse integral da parte das Edilidades.

Na última oportunidade em que o tema esteve cogitado de conclusão definitiva, ainda remanesceram dúvidas oriundas do Planalto, ora dissipadas, graças à postura decidida por esta Casa, sempre atenta aos justos anseios da numerosa categoria, responsável por desvelada assistência às populações brasileiras.

Em duas reuniões, ultimamente efetuadas, em comunas que tenho a honra de representar neste Plenário Soberano, as reivindicações foram reiteradas insistentemente, sendo visível o inconformismo dos que se sentem desfavorecidos pelos seguidos adiamentos aqui registrados.

Voltando, hoje, a essa palpitante aspiração dos meus conterrâneos - e dos demais servidores de nossa Nação – estou convicto de que não se frustrará mais a efetivação de um pleito apontado como imprescindível para estimular a ação benéfica dos citados profissionais.

Retorno, assim, a esta Tribuna,  certo de que, todas as bancadas votarão, favoravelmente, a uma pretensão de justeza incontestável.

Os Agentes de Saúde e Endemias farão assim, jus ao que lhes é devido, em razão dos desvelados apoios assegurados à população pobre de todos os Estados brasileiros.

 

MAURO BENEVIDES

Deputado Federal

Mauro Benevides © 2011 Todos os direitos reservados